Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/12/18 às 11h11 - Atualizado em 24/12/18 às 10h07

Praça da Ceilândia Norte, revitalizada, traz cor e promessas de transformação à comunidade

O domingo foi dia de reinauguração da praça central.

 

O projeto Mini Medellin, inspirado na Colômbia, no Comuna 13, foi do grupo Mulheres do Brasil, com apoio da Administração local e dos moradores.

 

Tintas coloridas e a união de vários braços, numa ação voluntária num fim de semana, mudaram as fachadas de 34 casas, um prédio e a praça de esportes da EQNN 3/5. Uma área vizinha ao Lar Bezerra de Menezes e a Casa do Carinho, que abrigam crianças que não têm famílias para olhar por elas mas, que agora, ganharam ainda mais atenção.

 

Ana Laura, vice-presidente da Instituição comemorava dizendo que, “cor atrai sim, mais amor, e é sempre bem-vinda a colaboração pois têm crianças, em regime de home care, que precisam de cuidados intensivos”.

 

Ilda Peliz, secretária da Sedestmidh, idealizadora do Hospital da Criança e Márcia Rollemberg, Colaboradora do governo do DF-ambas voluntárias e com expertise- orientaram sobre a necessidade de uma consultoria na área de saúde, para a conclusão da nova unidade da Casa do Carinho.

Um novo prédio, em obras, teve o apoio financeiro do ministério público.

 

“ Tem muito significado essas ações urbanas, esse é o caminho, a prática da rede do bem”, comemorou Márcia Rollemberg.

“ Debaixo de chuva e frio, ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade não nos dá cansaço, fome; assim é a rotina de quem ajuda à quem precisa”, comentou Ilda Peliz.

 

Maria Neuza Silva, vizinha de João e Jacyr Rodrigues, que ali vivem há mais de 40 anos, comentava que a praça parecia nova e já planejava um programa de esportes. “ Cor, renova as pessoas”, fazendo referência à campanha que motivou o mutirão.

 

“ Essa ação nos remete ao sentimento de agradecimento pelas famílias que temos; este é o nosso presente de Natal, à vocês”, comemorou Laura Oliveira, das Causas Sociais do grupo Mulheres do Brasil.

 

As ações do grupo Mulheres do Brasil, com representação na Europa, foram aplaudidas pelos Comitês internacionais em Lisboa e Paris, disse a Presidente, Janete Vaz.

Janete anunciou a ação de 12 comitês que agora vão atuar na Ceilândia, nas áreas de Cultura, Educação, Empreendedorismo, Igualdade Racial e no combate à violência da Mulher e criminalidade de jovens.
A área, onde foi realizada essa ação, tem um dos maiores indicadores de violência do Distrito Federal.

Por, Cláudia Miani