Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
17/10/13 às 20h37 - Atualizado em 29/10/18 às 11h13

Lançada corrida de rua que alerta para prevenção do câncer de mama

COMPARTILHAR

Evento será dia 27, às 9h, no Eixão do Lazer, e tem apoio da Secretaria da Mulher do DF

corBrasília (17/10/2013) – Um evento rosa, todo especial. Assim será a Corrida da Mulher, marcada para o dia 27, às 9h, no Eixão do Lazer, segundo anunciaram nesta quinta (17) os seus organizadores, durante o lançamento da prova no Salão Nobre do Palácio do Buriti. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas a partir das 8h desta sexta (18) pelo site www.corredorderua.com.br.

O evento faz parte do circuito de corridas de rua da Secretaria do Esporte e, por iniciativa da Secretaria da Mulher, foi incluído este ano na programação da campanha Outubro Rosa, mobilização mundial de alerta ao diagnóstico precoce do câncer de mama. Os participantes terão direito a kit com camiseta, garrafinha d´água e medalha. São mil vagas, sendo 500 reservadas para mulheres. Haverá dois percursos: um de 5 km e outro de 10 km.

A organização da prova pede que os atletas inscritos doem alimentos não perecíveis e kit higiênico (absorventes, sabonete, escova e pasta de dentes). O material será encaminhado à Casa Abrigo, que cuida de mulheres vítimas de violência. No dia da corrida, haverá tendas para receber as doações no local da largada, em frente ao Banco Central.

Causa nobre – “Além de ter uma causa nobre, esse evento ajuda a mudar a cultura machista que, como todos sabem, ainda contamina vários setores da sociedade, inclusive o esporte”, disse a secretária da Mulher, Olgamir Amancia, ao destacar a importância da parceria com as secretarias do Esporte e Saúde na divulgação e organização da prova.

O secretário adjunto do Esporte, Célio René, aproveitou a solenidade para anunciar que, a partir de agora, a Corrida da Mulher fará parte, oficialmente, do calendário anual do circuito de corridas de rua do DF. Ele lembrou que, das mil vagas, metade é destinada às mulheres. “Normalmente, o número de inscrições do público feminino nesses eventos fica em torno de 20% a 30%, mas desta vez reservamos 50%”, reforçou René.

A gerente de Câncer da Secretaria de Saúde, Cristina Scandiuzzi, destacou a prática de esportes, dentre eles a corrida, como uma forma de as mulheres se cuidarem, juntamente com uma dieta adequada. Ela disse que o câncer de mama é o que mais mata mulheres no mundo e alertou para a importância do diagnóstico precoce. “É o melhor meio de cura. De cada mil mamografias, conseguimos evitar a morte de cinco mulheres”, informou ela, ao acrescentar que a rede pública do DF está preparada para fazer esse atendimento, inclusive, por meio da Carreta da Mulher.

Micropigmentação – Durante o lançamento da corrida, Cristina Rech, empresária e diretora da clínica de estética Duohaus, fez a doação de 15 procedimentos de micropigmentação da aréola para mulheres mastectomizadas (que fizeram a cirurgia de retirada do seio), operadas no SUS e indicadas pela Secretaria de Saúde. A partir de novembro, a clínica repetirá, gratuitamente, o procedimento para três mulheres a cada mês.

Estiveram presentes ainda ao evento Joana Jeker, presidente e fundadora da ONG Recomeçar, de mulheres mastectomizadas; Vera Lúcia da Silva, da Rede Feminina de Combate ao Câncer; Michael Jackson, ex-jogadora de futebol e representante do Ministério do Esporte; Karina Boner, vice-presidente da Associação de Mulheres Empreendedoras (AME); e a ex-maratonista Carmem de Oliveira, gestora dos centros olímpicos do DF.

Serviço:

O quê: Corrida da Mulher
Quando: Dia 27 de outubro
Onde: Eixão do Lazer (largada em frente ao Banco Central)
Percurso: 5 km e 10 km

Inscrições: gratuitas pelo site www.corredorderua.com.br.

Ascom SEM-DF
(61) 3961-1782