Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
22/12/16 às 13h19 - Atualizado em 29/10/18 às 11h14

GT para refugiados no DF

COMPARTILHAR

Em Brasília, 1.140 refugiados pediram asilo. No país, segundo dados do Comitê Nacional para Refugiados (Conare), existem mais de 8,8 mil refugiados reconhecidos, de 79 nacionalidades, dos quais 28,2% são mulheres.

Para tratar desse tema, houve hoje (21/12/2016) reunião na Secretaria Adjunta de Políticas para Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos, da pasta do Trabalho, Desenvolvimento Social, Mulheres, igualdade Racial e direitos Humanos (Sedestmidh), que fica no 8º andar do Anexo do Palácio do Buriti.

O grupo se comprometeu a criar um GT para discutir a extensão de políticas públicas aos migrantes que chegam a Brasília, vindos de diversas partes do mundo. Os principais grupos de refugiados são da Síria, Angola, Colômbia, República Democrática do Congo e Palestina.

A reunião contou com as presenças da secretária adjunta Raissa Rossiter; dos pastores Waldicéia de Moraes e Wilson Barbosa, ambos da Associação de Negras e Negros Evangélicos do Brasil; da representante da Agência das Nações Unidas para Refugiados (UNHCR), Isabel Marquez; da Irmã Rosita Milesi, diretora do Instituto para Migrações e Direitos Humanos; de Victor Nunes, subsecretário de Igualdade Racial; e do assessor da Subsecretaria de Direitos Humanos, Elianildo Nascimento.