Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
18/08/15 às 12h27 - Atualizado em 29/10/18 às 11h14

Caravana da Juventude Negra chega a Planaltina

COMPARTILHAR

Jovens da cidade e região podem fazer cursos gratuitamente até sábado, 22

CJNPlanaltina1Desta segunda-feira, 17/8, a sábado, 22/8, Planaltina recebe a visita da Caravana da Juventude Negra. A cidade é o oitavo endereço dos doze previstos no projeto itinerante iniciado dia 29 de junho. A Caravana oferece minicursos (básicos e avançados), oficinas e palestras gratuitas, com emissão de certificados de aproveitamento. E atrai talentos musicais onde passa, que encontram no estúdio da Caravana uma oportunidade única de gravar sem custo e com alta qualidade.

Estacionada na Administração de Planaltina, Setor Educacional, Lote da Feira, a Caravana oferece minicursos de informática básica, produção de blogs, sites, jornais digitais, elaboração de projetos, cinegrafia, produção e edição de vídeos. A programação também contempla palestras sobre gestão empresarial, empreendedorismo, oportunidades, com enfoque motivado pelas ações educacionais, culturais e econômicas em prol da juventude negra.

Os jovens negros são o público preferencial das ações pensadas no âmbito do Programa Juventude Viva no DF, implementado por convênio entre a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial da Presidência da República e o Governo de Brasília em 12 cidades com forte concentração de jovens negros. Segmento social fortemente vulnerabilizado pela desigualdade racial, os jovens negros e negras correspondiam a 68,25% (34.043 indivíduos) dos jovens de Planaltina, de acordo com os dados do censo de 2010, trabalhados em relatório da Codeplan que direcionou a implantação do Projeto no DF.

Ponto de grande destaque em todas as sete cidades – Santa Maria, Gama, Recanto das Emas, Samambaia, Paranoá, São Sebastião e Varjão – que já receberam a visita da Caravana, o estúdio de música está sempre acolhendo “retardatários”, músicos da cidade anterior que descobriram o projeto quando não havia mais agenda de gravação.

Se dormirem no ponto, os artistas, compositores e músicos de Planaltina vão ter que bater às portas do projeto em suas próximas paradas: na Estrutural (24 a 29/8), no Itapoã (31/8 a 05/9), Ceilândia (07 a 12/9) ou Riacho Fundo II (14 a 12/9).

Ascom Semidh
3403-4915/4941